Terça-feira, 04.09.18

A doro olhar para ti

N as manhãs de Verão

A doro cantar para ti

C om todo o meu coração

L embro-me de ti, Anacleta

E nquanto passeio na rua

T anto a pé, como de bicicleta

A doro-te na Terrra e na Lua

 

04?/2012

 

 



publicado por OPTD às 14:34 | link do post | favorito

um blog de poesia...
mais sobre mim
Setembro 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


posts recentes

Anacleta

arquivos

Setembro 2018

Agosto 2017

Janeiro 2017

Setembro 2015

Junho 2015

Agosto 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Julho 2012

Abril 2012

Janeiro 2012

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

tags

acrósticos

ars poetica

arte

digo alentejo

diversos

fados

flos sanctorum

gato

haiku

inspira-me

instantes

livros publicados

mater

monólogos para dois

odi et amo

onde musa

papéis encontrados

portugal

quadras soltas

viagens

todas as tags

blogs SAPO
subscrever feeds