Sexta-feira, 26 de Fevereiro de 2010
que terrível fel que me consome
o dos teus olhos


publicado por OPTD às 19:49 | link do post | favorito

5 comentários:
De AUFDERMAUR a 4 de Março de 2010 às 19:57
Se esse "terrível fel" não viesse acompanhado de momentos de puro mel era tudo muito mais fácil não era? Porque quando alguém apenas nos oferece fel nós afastamo-nos dele e acabamos com esse tormento. O grande problema é quando temos com alguém uma relação que facilmente passa do mais doce mel para o mais terrível fel ou, como eu li algures, "amor e ódio fundidos num só"... Nesses casos é que as questões mais difíceis se levantam. Será que o mel compensa o fel? Será que o acumular e a mágoa resultante de tanto fel não acabam por ensombrar e contaminar o mel? Será que o problema está na pessoa que é capaz de cometer atrocidades em nome do Amor que sente pela outra e para não a perder ou será que está na pessoa que não ama a outra o suficiente para ser capaz de tais actos? Será que realmente queremos saber as respostas para estas questões? Será que realmente não as sabemos? Será que sabê-las muda ou deveria mudar alguma coisa? Será que a letra da Strangelove " é um pedido de desculpa ou uma declaração de intenções?


De OPTD a 6 de Março de 2010 às 08:48
Lembro-me de outras músicas :

que sera sera

e

o que será que será...

Será?


De AUFDERMAUR a 10 de Março de 2010 às 22:51
Gostei:) Sentido de humor e música acima de tudo:)

Tudo depende de quem deixamos que guie o nosso caminho, se é o nosso coração ou a nossa cabeça. Claro que também há a terceira via, deixarmo-nos ser guiados pelo destino ou pelas outras pessoas. Como diz o mestre Woody Allen, whatever works:)


De OPTD a 18 de Março de 2010 às 17:26
Does it ever works?...


De AUFDERMAUR a 18 de Março de 2010 às 23:57
"To accomplish great things we must not only act but dream, not only plan but also believe"!



Comentar post

um blog de poesia...
mais sobre mim
Setembro 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


posts recentes

Quem te levou?

Infância

Anacleta

Unter den Linden

...

aniversário

esvoaçantes

deslizam

gaivota

é quando estou cansado

arquivos

Setembro 2018

Agosto 2017

Janeiro 2017

Setembro 2015

Junho 2015

Agosto 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Julho 2012

Abril 2012

Janeiro 2012

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

tags

acrósticos

ars poetica

arte

digo alentejo

diversos

fados

flos sanctorum

gato

haiku

inspira-me

instantes

livros publicados

mater

monólogos para dois

odi et amo

onde musa

papéis encontrados

portugal

quadras soltas

viagens

todas as tags

favoritos

Plus tard, je veux faire....

blogs SAPO
subscrever feeds